Compiègne - 1. Mártires de Compiègne: na época da Revolução Francesa (1789-1799) a Igreja católica sofreu atroz perseguição e o terror da inquisição que executou, nas mais diversas formas, aproximadamente cinco mil fiéis, entre padres, freiras e leigos. 2. Compiègne, região próxima à Paris, França, foi palco do sangrento martírio, sob a guilhotina, de dezesseis freiras (noviças e superioras com idades entre 16 e 78 anos), no dia 17 de julho de 1794, ao canto da Salve Rainha, do Te Deum e do Veni Creator Spiritus. 3. Em 1906 o Papa Pio X beatificou esses mártires, elevando-os às honras dos altares. 3.. Cidade natal de Roscelin, fundador do Nominalismo. v. Mártires, Nominalismo