Teodicéia - gr. theos + dikê, justiça de Deus, justificação divina.

Ramo da filosofia que trata de Deus, sua existência, seus atributos, e suas relações com o mundo; tornou-se, mais tarde, sinônimo de Teologia Racional ou o estudo de Deus pela razão, distinta da Teologia que estuda Deus à luz dos dados da Revelação,

A princípio a Teodicéia se reservava às obras destinadas a defender (justificar) a Providência contra as dificuldades suscitadas pela existência do mal.

Para alguns mestres, Santo Agostinho (354-430, no texto Cantando as Perfeições de Deus, apresenta síntese da teodicéia agostiniana (Confissões, 1ª parte, Livro I, 1, 4).