Tanakh - hebr. תַּנַ“ךְ; ( /tɑːˈnɑːx/, pronounciado taˈnax ou təˈnax;[1] ou TN”K, Tanak, Tenakh, Tenak.

  • Tanakh ou Tanach, é o acrônimo formado pelas iniciais das palavras:Torá, Neviim e Kethuim (TaNaK) termo utilizado no judaísmo para denominar o conjunto principal dos seus livros sagrados, e que se pode chamar de Bíblia judaica, a coleção canônica dos textos Israelitas, a fonte do cânone Cristão do Antigo Testamento.
  • O conteúdo do Tanakh é equivalente ao do Antigo Testamento,porém com outra divisão e texto tradicional usado é chamado Massorético.
  • O Tanak passou de geração em geração, na forma escrita, conforme a tradição rabínica de transmitir a totalidade apenas de forma verbal, pessoal, tradição conhecida como a Torá oral.
  • Anteriormente o termo “Tanak” não foi usado, em vez disso, preferiram usar o termo Mikra ou Miqra, isso por que os textos do Tanak eram “lidos” em público. Por isto, devido a este costume que até hoje utiliza-se o termo Mikra,
  • A 'Coleção do Tanakh“, são os pergaminhos que o constituem; sua subdivisão consiste em 24 livros e nela não aparecem os livros: de I e II Samuel, o II Reis e de I e II Crônicas, Esdras e Neemias e contados como um só livro - assim como os Doze profetas menores (תרי עשר) considerados um só livro também.

v. Torá