Purim – hebr. פּוּרִים Pur, sortes.

  • A festa judaica instituída no tempo do rei Assuero (Xerxes, filho de Dario, rei da Pérsia), para celebrar a intervenção de Ester, junto ao rei, impedindo o massacre dos judeus cativos, instigado pelo vizir Amã, segundo a narrativa do Livro de Ester 9,17-32.
  • A festa de Purim se caracteriza pela recitação pública, por duas vezes, do Meguilat Ester, o Livro de Ester, inclui a distribuição de comida e dinheiro aos pobres, presentes, cantam, dançam e consomem vinho durante o banquete de celebração; em muitas famílias as crianças usam máscaras e fantasias na comemoração pública.
  • Purim é celebrado anualmente no 14º dia do mês hebraico de Adar, o dia seguinte à vitória dos judeus sobre seus inimigos (13 de Adar). Nas cidades que eram muradas na época de Josué, incluindo Shushan (Susa) e Jerusalém, Purim é celebrado no 15º dia do mês, conhecido como Purim Shushan.
  • Como as demais festas judaicas, Purim tem início ao pôr-do-sol da véspera no calendário secular.