Parthenos – gr. moça, virgem.

  • Na versão grega da Bíblia dos Setenta (Septuaginta, palavra latina que significa setenta, ou ainda LXX), a tradução da palavra hebraica almah, jovem, moça - do oráculo profético de Isaías 7,14 «a virgem conceberá» (o Emanuel, Deus Conosco) - e que a Tradição cristã antiga aplicou à Maria, mãe de Jesus.
  • Na Palestina embora virgindade não fosse devidamente valorizada, segundo o contexto da época, uma jovem de mais de doze anos poderia ser, ao mesmo tempo, casada e virgem, pois permanecia na casa dos pais até que o noivo viesse buscá-la, como foi o caso de Maria “uma jovem prometida em casamento a um homem chamado José” (cf. Lc 1,27; Mt 25,1-13, parábola da dez virgens).