Justificação – Ato da antiga Lei ou da graça mediante o qual Deus “torna justo“ o homem e o aparta do pecado e purifica o seu coração.

  • O Conc. de Trento definiu que por sua Paixão e Morte na Cruz, Jesus mereceu-nos a justificação, (DS 1529);
  • A graça do Espírito Santo tem o poder de nos justificar e a gratuidade da misericórdia divina, ao oferecer o perdão, nos reconcilia com Deus, nos faz acolher a sua justiça pela fé em Cristo (Rm 3,23-24) e pelo Batismo e pela conversão opera em nós a justificação (CIC 1987-1995).