Donatismo – seita cismática do início do séc. IV, fundada por Donato, bispo da Igreja no Norte da África (Numídia, hoje a Argélia), deposto por heresia; seus seguidores se consideravam os verdadeiros e únicos herdeiros dos apóstolos e ensinavam que a eficácia dos sacramentos dependia do caráter e integridade moral do ministrante.