Clericalismo – a intervenção indevida de leigos e leigas nas funções tarefas intra-eclesiais, particularmente na liturgia, exclusivas dos presbíteros.