Ázimos – hebr. matzá, מַצָּה, o pão, e outros alimentos, sem fermento (levedura).

  • A festa judaica que acontecia imediatamente após a Páscoa e correspondia ao início da colheita da cevada; comemorava-se nos dias 14-15 de Nisan (março-abril), primavera.
  • Nela o povo de Israel relembrava a frugal ceia antes de saírem apressados do Egito e recordava, e ainda recorda hoje, o acontecimento na Páscoa. Hoje alimento obrigatório na festa do Pessach (páscoa judaica), que também se chama Hag ha-matzot, ou a festa dos pães ázimos.
  • Na Igreja latina as partículas, as hóstias, a serem consagradas na Santa Missa não contêm fermento enquanto os Ortodoxos usam, na Consagração eucarística, o pão levedado.

v. Calendário das Festas Judaicas, Pentecostes.